terça-feira, 5 de julho de 2011

Poderá ir ao céu o 'cristão' que cometeu suicídio?

Vi essa postagem no site do Estudo Bíblicos e achei demais!



É certo que o cristão não perderá a salvação caso sofra de algum distúrbio físico ou psíquico (há casos em que uma disfunção do físico acarreta distúrbios psíquicos) e cometa o suicídio. Porém, se de outro modo, alguém que se intitula cristão, deliberadamente atentar contra a própria vida como fazem os seguidores de Maomé, como será engrandecido o nome do Senhor em tamanho desatino? ( Fl 1:20 -26).
"E ali haverá uma estrada, um caminho, que se chamará o caminho santo; o imundo não passará por ele, mas será para aqueles; os caminhantes, até mesmo os loucos, não errarão" ( Is 35:8 )


Nestes temas complexos nada melhor que nos socorrer das Escrituras.

Ora, se uma pessoa que não crê em Cristo comete suicídio é certo que não será salva. Por qual motivo: Porque ela suicidou-se, ou porque não creu em Cristo? Sem medo de errar: um suicida não será salvo porque não creu no Unigênito Filho de Deus!

Não é porque violou algum mandamento que o descrente não será salvo (Agostinho argumentou que o suicídio era uma violação do sexto mandamento). Também não é por ter deixado de fazer ‘confissão de pecado’ que não será salvo. Antes, irá para a condenação eterna por não ter entrado pela porta estreita que é Cristo.

Não é a confissão de algum erro de conduta, também nomeado de pecado, que irá livrar o homem do fogo do inferno, visto que, tal confissão tem por base um arrependimento de obras mortas, e não uma mudança de conceito acerca de como alcançar a salvação (arrependimento verdadeiro). (Tomas de Aquino acreditava que o suicídio era o mais fatal de todos os pecados, porque a ‘vítima’ não poderia se arrepender e confessar o seu delito).

Alguém que professa a verdade do evangelho e deixa levar-se por alguma idéia suicida será salvo? A resposta será dada em duas etapas.

De onde vem a idéia suicida? Qual a origem do suicídio? Ora, é corrente que a idéia suicida é proveniente de algum distúrbio psíquico, visto que tais idéias surgem e se instalam em pessoas com problemas de depressão, ansiedade, psicose, etc.

Tais distúrbios associados aos seguintes fatores aumentam o risco de suicídio: isolamento social, falta de amigos, não ser casado, não morar com outras pessoas, não ter filhos, não ser religioso, etc.

O que se observa é que a idéia suicida decorre de algum problema psíquico.

Sabemos também que todos os homens entram pela porta larga ao nascerem segundo Adão, e que seguem por um caminho que os conduzirá à perdição. Sabemos também que é necessário ao homem nascer de novo (entrar pela porta estreita), para que possam trilhar o novo e vivo caminho que conduz à vida eterna (Jesus).

Ora, se uma pessoa aceita a Cristo segundo a verdade do evangelho, ela entrou pela porta estreita e segue pelo caminho que o conduzirá a salvação. Após ter entrado pela porta que é Cristo é possível errar o caminho por causa de um distúrbio psíquico? Não!

Não será um distúrbio psíquico que separará o cristão do amor de Deus em Cristo. Não é a morte ou a vida que separará o Cristão do amor de Deus ( Rm 8:38 ).

No milênio haverá para os remanescentes de Israel uma estrada, um caminho, denominado de “O caminho Santo”. O imundo (ímpios) não andará pelo Caminho Santo. O caminho será exclusivo para os separados por Deus (os remidos). O caminho pertencerá àqueles que foram fortalecidos e que não temem ( Is 35:3 e 4).

Naquele dia os ‘caminhantes’, ou seja, os remidos, não errarão! Nem mesmo os loucos errarão o caminho, pois foram resgatados pelo Senhor ( Is 35:9 -10).

Se no milênio a graça de Deus se mostrará maravilhosa àqueles que virão à Sião restaurada, que se dirá hoje, na dispensação da graça. Quem entra por Cristo, a porta estreita, jamais percorrerá outro caminho.

Sobre este mister, diz o salmo primeiro: “Porque o Senhor conhece o caminho dos justos; porém, o caminho dos ímpios perecerá” ( Sl 1:6 ). O caminho que pertence aos justos é conhecido pelo Senhor, ou seja, está intimamente ligado a Ele. Já o caminho dos ímpios perecerá, visto que é um caminho que conduz a perdição ( Mt 7:3 ).

O evangelho (fé em) de Cristo é para salvação do homem, livrando-o da condenação estabelecida em Adão. Por vezes, a crença (fé) na verdade do evangelho (fé) é suficiente para livrar o homem de algum distúrbio psíquico. Porém, vale salientar que está não é a regra, e quem sofre de distúrbios psíquicos precisam de tratamento psicológico ou psiquiátrico específico.

Jó diante das agruras que lhe foram impostas amaldiçoou o dia do seu nascimento e desejou não ter nascido “Por que não morri eu desde a madre? Em saindo do ventre, não expirei?” ( Jó 3:11 ), contudo continuo confiando no Deus da sua salvação. Diante das agruras desta vida o cristão deve se armar da mesma confiança de Jó.

Agora, o que tornou Judas diferente de outros homens que foram salvos? O suicídio? Não! Judas não foi salvo porque deu cabo de sua própria vida, antes porque não creu na misericórdia de Deus manifesta aos homens.

Qual a traição maior: a de Judas ou a de Pedro? Por certo que elas são equivalentes. Porém, diferente de Judas, Pedro ao ver-se ‘infiel’ recobrou-se do seu erro de conduta e confiou em Quem é fiel e nunca se demove da sua fidelidade. Pedro continuou a produzir os frutos (frutos dos lábios) dignos do arrependimento: professando a sua salvação em Cristo.

Judas, por sua vez, tomado de arrependimento pela infidelidade ao Mestre, não se arrependeu para salvação (não mudou o seu conceito de como se dá a salvação em Cristo), antes se arrependeu à vista do seu comportamento (arrependimento de obras mortas), o que muitos entendem ser remorso.

O apóstolo Paulo demonstra que a sua esperança e expectativa eram intensos, e que jamais seria confundido. Ele tinha plena confiança que Cristo haveria de ser engrandecido no seu corpo, tanto em vida ou através da morte ( Fl 1:20 ). O firme fundamento de Paulo era Cristo, pois o viver é Cristo, e morrer em Cristo é lucro (v. 21).

Paulo nutria o desejo de partir deste mundo e estar com Cristo, porém, o amor pelos irmãos era maior que o desejo pelo ‘melhor do mundo vindouro’. Paulo tinha certeza que ficaria e permaneceria em meio aos cristãos para proveito e gozo da fé (do evangelho). O texto por si só demonstra que o apóstolo, mesmo tendo o desejo de estar com Cristo, não nutria idéias suicidas.

É certo que o cristão não perderá a salvação caso sofra de algum distúrbio físico ou psíquico (há casos em que uma disfunção do físico acarreta distúrbios psíquicos) e cometa o suicídio. Porém, se de outro modo, alguém que se intitula cristão, deliberadamente atentar contra a própria vida como fazem os seguidores de Maomé, como será engrandecido o nome do Senhor em tamanho desatino? ( Fl 1:20 -26).

Os apóstolos eram alvos de múltiplos sofrimentos, prisões, escárnios, perseguições, torturas, porém, não desistiam de viver. Embora esperassem ser revestidos da imortalidade, nenhum deles, nenhum sequer apressou de moto próprio a hora de partir. Estavam certos de que “... foi concedido, em relação a Cristo, não somente crer nele, como também padecer por ele..." ( Fl 1:29 ).

Portanto, quem professa a verdade do evangelho e não sofre de nenhum distúrbio grave de ordem psíquica, jamais intentará contra a própria vida.

17 comentários:

  1. As vezes a pessoa tem depressão ou uma outra doença séria, e todos sabemos que se a pessoa pertence a Cristo, não quer dizer que ela será liberta de todas as doenças e tal; Eu conheço pessoas e provevelmente todos conhecem pessoas nas igrejas, carentes de atenção, isso é um fato, pessoas que querem sempre alguem por perto...enfim, pessoas com claros sintomas de depressão, e mesmo assim pertencem a cristo. A depressao pode levar ao suicidio? pode. A pessoa que se suicida vai pro ceu? a biblia, ao contrario do que muitos dizem, nao possui nenhum versiculo dizendo que "os suicidas nao herdarão o reino dos céus." assim como, se eu pertenço a cristo, conto uma mentira e morro logo em seguida, nao significa que perdi a salvação, acho que da mesma forma acontece com o suicidio. Dizer que nao tem perdao, é dar tamanho ao pecado, assim como fazemos com o pecado sexual. Quem garante que enquanto a pessoa morria ela nao se arrependeu, mas a morte foi inevitável? Não é possivel dizer se um suicida foi pro céu ou não. Assim como não é possivel dizer que qualquer um de nós foi ou não. Ninguém sabe. Talvez lá teremos muitas surpresas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei muito de seu comentário, sempre pensei dessa maneira, mas vc foi bem esclarecida e com certeza, Deus colocou as palavras em sua boca.
      Fique na paz de Cristo, Deus te Abençoe todos os dias de sua vida.

      Excluir
    2. JUDAS SE ENFORCOU, PODERIA SER SALVO?

      Excluir
  2. Belo comentário mana! é como diz o estudo, quem é são e sabe no que está vivendo, não sofre de depressão ou de nenhum outro mal e está firmado em Cristo não tem motivo de tirar a própria vida, e se tiver motivo, não o fará, pq sabe que Cristo é maior do que qualquer problema. Quem sofre de depressão, entre cristãos ou não, não consegue ver outra saída se não a morte, porque só enxerga a desgraça do que acontece ao redor e não agradece pela vida de seus queridos e irmãos na fé.

    Um colega meu já dizia: "para se matar tem que ter muita coragem ou ser muito louco".

    Ainda tenho minhas dúvidas se pessoas que se suicidam vão para o céu ou não. Mas como tu disse eu aumento. CONCERTEZA vamos ter muitas supresas quando estivermos na vida eterna! :)

    Paz!

    ResponderExcluir
  3. Dei uma twitada ainda agora, mas vale lembrar aki q tenho mais caracteres...Deus é quem decide quem é que será salvo ou não.
    Ninguém sabe se o suicida se arrepende da sua atitude antes da morte. Lembremos do que Jesus disse ao ouvir as perguntas dos discípulos: O importante é que ele tenha se arrependido.
    A Graça e a Paz.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Mais uma brasa nesse assunto: todos concordam que Sansão cometeu suicídio, certo? (Juízes 16:30). Entretanto, seu nome figura na galeria dos heróis da fé de Hebreus 11 (verso 32). E aí, um "herói da fé" estaria no inferno, não seria salvo??

    Só Deus poderá responder...

    Abraço a todos

    Fábio / @fabioccarvalho

    ResponderExcluir
  6. Comentário plausível da Joyce Adeline, e ótima citação Fábio Carvalho. Assunto muito polêmico e difícil de lidar, são mistérios que não cabe a nós. Como disse a Joyce, uma pessoa que levou uma vida de renuncias cometeu um pecado e morreu em seguida, perderá a sua salvação? Não cabe a nós julgar.

    ResponderExcluir
  7. Já disse o filósofo Espinozza: "Creio em Deus mas não nesse deus criado pelos homens, cruel e vingativo, mas num Deus que criou os homens." Que Deus tão perverso é esse? Que pune seus seus filhos, como um castigo eterno? Qual pai teria coragem de punir seu filho com um tipo de castigo tão cruel? Imagine intão Deus, Amor tão grande, que nossa pequena compreensão não faz idéia desse Amor.

    ResponderExcluir
  8. Quando estamos doentes estamos fora da vontade de Deus, pois, se andamos debaixo do querer e a vontade de Deus sem pecados ou brechas não ficamos doentes melhor a doença é curada mas como uma pessoa depressiva anda com Deus ela está sendo atormentada com a permissão de Deus
    Entao se estamos doentes e suicidamos não morremos em cristo e sim no pecado e os que estiverem no pecado não herdarão o reino de Deus?

    ResponderExcluir
  9. Quando estamos doentes estamos fora da vontade de Deus, pois, se andamos debaixo do querer e a vontade de Deus sem pecados ou brechas não ficamos doentes melhor a doença é curada mas como uma pessoa depressiva anda com Deus ela está sendo atormentada com a permissão de Deus
    Entao se estamos doentes e suicidamos não morremos em cristo e sim no pecado e os que estiverem no pecado não herdarão o reino de Deus?

    ResponderExcluir
  10. Ajudou muito a tomar uma decisao. Tenho certeza que posso me matar sem perder minha salvacao. Obrigada!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. GENTE ABRÃO OS OLHOS , A BIBLIA ENFATIZA QUANDO FALA SOBRE TIRAR A PROPRIA VIDA , POIS ESTA ESCRITO NO LIVRO DE APOCALIPSE QUE Os suicidas não herdarão o Reino dos Céus. Em Apocalipse 21. 8 , QUEM MATA ALGUEM ESTA TIRANDO UMA VIDA , E SÓ TEM PERDÃO MEDIANTE A CONVERSÃO . COMO PODE ALGUEM RETIRAR A SUA VIDA E PEDIR PERDÃO DEPOIS ? . NÃO TEM COMO , ENTÃO RESUMINDO QUEM TIRA A SUA PROPRIA VIDA NÃO IMPORTA O MOTIVO ELE VAI PRO INFERNO , POIS COMETEU SUICIDIO . QUER QUEIRA QUER NÃO . SEM FALAR QUE A PALAVRA SUICIDIO FOI CRIADA em 1737 por Desfontaines. Com origem no latim – sui (si mesmo) e caederes (ação de matar) .

      Excluir
  11. Ajudou muito a tomar uma decisao. Tenho certeza que posso me matar sem perder minha salvacao. Obrigada!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. GENTE ABRÃO OS OLHOS , A BIBLIA ENFATIZA QUANDO FALA SOBRE TIRAR A PROPRIA VIDA , POIS ESTA ESCRITO NO LIVRO DE APOCALIPSE QUE Os suicidas não herdarão o Reino dos Céus. Em Apocalipse 21. 8 , QUEM MATA ALGUEM ESTA TIRANDO UMA VIDA , E SÓ TEM PERDÃO MEDIANTE A CONVERSÃO . COMO PODE ALGUEM RETIRAR A SUA VIDA E PEDIR PERDÃO DEPOIS ? . NÃO TEM COMO , ENTÃO RESUMINDO QUEM TIRA A SUA PROPRIA VIDA NÃO IMPORTA O MOTIVO ELE VAI PRO INFERNO , POIS COMETEU SUICIDIO . QUER QUEIRA QUER NÃO . SEM FALAR QUE A PALAVRA SUICIDIO FOI CRIADA em 1737 por Desfontaines. Com origem no latim – sui (si mesmo) e caederes (ação de matar) .

      Excluir
  12. GENTE ABRÃO OS OLHOS , A BIBLIA ENFATIZA QUANDO FALA SOBRE TIRAR A PROPRIA VIDA , POIS ESTA ESCRITO NO LIVRO DE APOCALIPSE QUE Os suicidas não herdarão o Reino dos Céus. Em Apocalipse 21. 8 , QUEM MATA ALGUEM ESTA TIRANDO UMA VIDA , E SÓ TEM PERDÃO MEDIANTE A CONVERSÃO . COMO PODE ALGUEM RETIRAR A SUA VIDA E PEDIR PERDÃO DEPOIS ? . NÃO TEM COMO , ENTÃO RESUMINDO QUEM TIRA A SUA PROPRIA VIDA NÃO IMPORTA O MOTIVO ELE VAI PRO INFERNO , POIS COMETEU SUICIDIO . QUER QUEIRA QUER NÃO . SEM FALAR QUE A PALAVRA SUICIDIO FOI CRIADA em 1737 por Desfontaines. Com origem no latim – sui (si mesmo) e caederes (ação de matar) .

    ResponderExcluir
  13. Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós? Se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá; porque o templo de Deus, que sois vós, é santo.
    1 Coríntios 3:16,17

    Só a misericórdia do Senhor pra nos livrar do engano! As trevas estão densas irmãos!! O engano já dominou o mundo e o espírito do anticristo já está na terra, agora é só orar e fazer a vontade de Deus porque Jesus já já volta.

    "Então eles os entregarão para serem perseguidos e condenados à morte, e vocês serão odiados por todas as nações por minha causa.
    Naquele tempo muitos ficarão escandalizados, trairão e odiarão uns aos outros,e numerosos falsos profetas surgirão e enganarão a muitos.
    Devido ao aumento da maldade, o amor de muitos esfriará,
    mas aquele que perseverar até o fim será salvo.
    Mateus 24:9-13

    ResponderExcluir